Conto Erotico | Historia Erótica

Publique seu texto gratuitamente!

Autores mais lidos
Loja História-Erótica
Conto erótico no isntagram
conto erotico no youtube
conto erotico no tumblr
Imagens Eróticas
Do fundo do baú

A 3a vez na casa de swing

Olá, para quem ainda não leu meus contos, leiam para poder compreender a história como um todo.

Na terceira vez que fomos, resolvemos ir novamente na Enigma, pois ela é menor e nos sentimos um pouco mais à vontade...

A Rúbia, se preparou melhor para ir desta vez e ela queria ir bem devassa para a noite. A tarde estavamos passeando de carro e ela me disse: "Para o carro aí que eu preciso descer", daí parei e ela entrou em uma loja meio sexshop lá na Rua augusta. Depois de 20 minutos, ela retorna com uma sacola, perguntei: "Deixa eu ver, tô curioso", ela disse "Comprei 2 vestidos, não sei se vai servir, mas gostei deles". Quando chegamos em casa e ela vestiu os dois, meu pau já ficou duro como pedra. Um deles era de oncinha, bem curto e não muito decotado, mas com um tomara que caia, ou seja, facinho de abaixar e chupar os peitos dela e o outro era verde que cobria somente um ombro e era uma delicia também.

A noite ela resolveu ir com o de oncinha, e logo de cara chamou a atenção na balada. Pegamos uma mesinha, daquelas meio altas com bancos altos e ficamos lá namorando e vendo o pessoal chegar, era umas 23hrs quando chegamos.

Depois do segundo drink, a Rubia já estava mais soltinha e começou a passar a mão em mim e falar bobagens. Daí comecei a beijar ela e fiquei em pé de frente para ela e de costas para o palco / salão. Já coloquei a mão no meio das pernas dela e comecei a bater uma pra ela lá na frente de todo mundo. Ela ficou louca de tesão e até disse que tinha um garçom olhando pra gente de canto de olho, mas mesmo assim não parei e ela foi ficando excitada até gozar na minha mão na frente de todo mundo...rs

Depois de recuperarmos o fôlego, fomos dar uma volta no reservado mais não havia nada demais, alguns casais transando nos quartinhos, mas nada muito emocionante...

Voltamos pra mesa e pedimos mais bebida, já que queríamos aprontar mais nesta noite...Logo depois dos shows, o pessoal foi pra pista de dança e fiquei dançando com a Rubia um pouco até que algumas meninas começarem a dançar com ela...Fiquei meio de longe só observando elas se esfregando, até que a Rubia tomou a iniciativa e lascou um beijo em uma das meninas, eu fiquei maluco de tesão de ver a cena...Depois começou a passar a mão nos peitos da menina, que tinha um tamanho bem gostosos e eram naturais...Daí a menina também começou a passar mão na Rubia e ainda abaixou o vestido dela e deu umas lambidas nos peitos da Rubia na pista de dança na frente de todo mundo...

Nisso a Rubia veio em minha direção, nos beijamos e ela já sentiu meu pau duro, perguntou se eu tinha gostado e eu falei que tinha adorado e fomos para o reservado para se curtir...

Andando no reservado, passou um casal mais ou menos da nossa idade e a mulher passou a mão na Rubia e em mim também, meio que paramos no meio do corredor e as duas já começaram a se beijar...O marido dela me perguntou se fazíamos troca de casal, dissemos que não e depois perguntou se não queríamos ir para algum quarto, eu e a Rubia nos olhamos e falamos VAMOS!!! Entramos em um quarto pequeno e o marido logo saiu pois foi procurar um outro quarto maior. Na hora que eu me vi, estava com a Rubia e a gostosa da mulher do cara sozinho no quarto, fiquei maluco de tesão. A Esposa do rapaz era uma morena, baixinha (1,65 mais ou menos), com um vestidinho bem apertado, e super gostosa, aquelas que a gente já fica na vontade de aproveitar...rs O cara era um pouco mais velho, careca e depois a Rubia me disse que não chamou tanto a atenção dela.

Voltando a cena, as duas já continuaram a se pegar e eu fiquei observando e comecei a passar mão na esposa do cara, ela parou e falou pra mim, "ah é, vc não quer dividir sua namorada, mas quer pegar na mulher dos outros???" - eu fiquei roxo de vergonha, tirei a mão dela e pedi "Desculpas", ela viu que eu entendi o recado e voltou a dar uns amassos na Rubia. Depois fui compreender que há algumas "regras"no swing e além de sempre a mulher comandar, não faz sentido ser liberal com o seu parceiro e o parceiro não ser liberal com sua parceira. Enfim, eu fiquei observando e a Rubia botou a calcinha da esposa pro lado e começou a chupar bem gostoso ela, eu fiquei admirando e passando a mão de leve nos peitos da Rubia. A esposa foi ficando com tesão, respirando mais fundo, mais forte, até gozar na boka da Rubia, foi delicioso. Após ela recuperar o fôlego, colocou a Rubia sentada e começou a chupar os peitos dela, daí eu cheguei junto e fiquei chupando um enquanto ela chupava o outro, depois ela foi beijando a barriga da Rubia e descendo pra bucetinha, eu dei uma afastada e fiquei só observando a cena, a esposa devorava a Rubia e ela gemia mto gostoso. Depois vi que para a Rubia gozar, eu iria precisar dar uma ajudinha....rs Daí comecei a chupar os peitos da Rubia bem forte, do jeito que ela gosta, até ela começar a gemer mais e mais e gozar na boquinha da esposa que estava ainda chupando ela.

Parece que foi até combinado, mas assim que sentamos no banco do quartinho para recuperar o fôlego, que estava muito calor, o marido bateu na porta e entrou novamente, disse que não tinha outro quartinho e iríamos ficar lá mesmo.

Daí ele sentou também e as mulheres se ajoelharam e começaram a tirar nossos paus pra fora e chuparem, cada uma com seu parceiro. A Rubia sempre soube chupar muito bem e já me deixou em ponto de bala. Daí me levantei, desci a calça jeans até o chão, e ranquei o que faltava do vestido da Rubia, virei ela de costas pra mim e de frente para o banquinho e comecei a socar nela na frente do casal. Rapidinho eles também se posicionaram igual e o cara começou a foder a esposa nesta posição também. As duas ficaram tomando rola e se beijando, uma cena linda que jamais vou esquecer...rs

Depois de uns 10 minutos, eu cansei e sentei no sofá, e a esposa do cara chegou a passar a mão no meu pau todo molhado, ele ficou mais duro ainda, mas não chegamos além disso. A Rubia sentou mais um pouco na minha vara e neste meio tempo o cara gozou e eles pararam de transar, eu continuei comendo a Rubia e depois ela me chupou para eu gozar na bokinha dela. Me concentrei e enchi a boquinha dela de porra. Daí nos vestimos, nos despedimos deles, trocamos telefones e saímos... Passamos no banheiro para nos limpar e fomos para a pista de dança.

E daí resolvemos ir embora, estávamos bêbados e ainda estávamos com tesão. Chegando na casa da Rubia, era já umas 4hrs, e eu ainda comi ela gostoso, falando e relembrando tudo que a gte fez no quartinho. Até comi o rabinho dela neste dia louco de tesão.

Depois de algumas semanas, ela me confessou que na hr que a esposa pegou no meu pau, o cara chegou a puxar ela e colocar a mão dela no pau dele, ela chegou a passar a mão um pouquinho mas não fez nada além disso. Fiquei com ciúmes, mas o tesão valeu a pena pela noite...

Se alguma mulher tiver interesse de conhecer uma casa de swing, me manda um e-mail para quem sabe marcarmos de ir lá [email protected]

Acompanhem meus próximos relatos...

Sobre este texto

augustosub

Autor:

Publicação:11 de setembro de 2016 20:07

Gênero literário:Contos eróticos

Tema ou assunto:Swingers

Compartilhe este conto erótico com seus amigos
Ainda não há estatísticas de leitura deste texto, pois ele foi publicado em 11/09/2016.

Comentários

Novo comentário

Os comentários serão moderados. Não serão aceitos comentários agressivos ao autor e/ou que divulguem sites comerciais. No campo nome só aceitaremos nome de pessoas. Se tiver interesse comercial Fale conosco para saber nossa política de publicidade.

Não há comentários até o momento. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário abaixo

*Campos com esta marca são de preenchimento obrigatório.
*

Seu endereço de e-mail não será publicado

Mova o seu mouse para fechar essa ajuda.
*