Conto Erotico | Historia Erótica

Publique seu texto gratuitamente!

Autores mais lidos
Loja História-Erótica
Conto erótico no isntagram
conto erotico no youtube
conto erotico no tumblr
Imagens Eróticas
Do fundo do baú

O Vizinho - 2

O Vizinho - 2

O tesão tinha atingido um ponto alucinante. Carlos em cima de mim, seu corpo colado ao meu mantinha o ritmo delirante de cada vez que metia.Tentando evitar meus gemidos altos ele tampou a minha boca e teve que enterrar seu rosto no meu pescoço pela loucura que nos encontrávamos.

Aquela momento selvagem era tão erótico que o o orgasmo se repetiu ainda mais algumas vezes..
Não conseguíamos tirar as mãos um do outro e nos beijamos muito por bastante tempo.
Já clareando o dia e com medo da Lúcia acordar eu o interrompi dizendo que já ia e ainda entre beijos ele disse:
- Hum...(beijo)..não...(beijo)... não vai...

Segurei seu rosto e dei um beijo de tirar o fôlego e saltitei pra casa.

No dia seguinte, após a ressaca, não vi nenhuma movimentação na casa em frente, somente os carros permaneciam nos mesmos lugares.
Era finalzinho da tarde quando resolvi sair pra correr, como o condomínio é grande eu corro dentro mesmo.
Já quase noite, eu estava perto da área de lazer quando ele pareceu correndo em minha direção, somente bermuda e tênis, gostoso demais.
Ele veio pra cima de mim e nos atracamos num beijo que ambos sabíamos onde iria acabar.

Mãos já tomavam conta do nossos corpos quando ele me arrastou pra área de lazer. Paramos atrás de um vestiário que estava inteiro apagado, bem como grande parte da área de lazer. Eu estava de regata e top, ele desamarrou meu top e começou a devorar meus seios enquanto roçávamos nossos quadris.
A barba por fazer roçando, alternava com língua, lábios e dentes me deixando em brasa na pele e em chamas entre as pernas.
Ele puxou meu short e calcinha e meteu os dedos em mim deslizando fácil pra dentro enquanto seu dedão massageava meu clitóris, Ele se ajoelhou beijando meu corpo, passando por seios, pele e barriga até sua língua tomar lugar da sua mão. Ele queria me consumir e, ágil, elevou o ritmo enquanto sua língua me penetrava, ele levantou minha perna colocando no ombro dele. Pequenas mordidas e chupões me alucinaram e cravei meus dedos em seus cabelos.
Dedos e língua alternavam dentro de mim e eu gozei.
Quando olhei pra ele, parecia querer tudo de mim e seus lábios brilhavam.
Puxei ele pelos cabelos ate minha boca, beijando ele misturado com meu gosto.
Enfiei minha mão dentro do short e ele estava duro e quente e eu o tomei com as duas mãos mas não demorou muito até que ele me pegou no colo e eu entrelacei minhas pernas na cintura dele e ele começou a me foder ali mesmo, selvagem, só carne entre beijos.
Nós estávamos tão loucos, um pelo outro que gozamos logo. Coloquei somente meu short sem calcinha, e ele não resistiu enfiando mais alguns dedos em mim como podia e nos recompomos e demos algumas risadas da nossa loucura no meio do condomínio.
Ele me beijou e disse que mais tarde estaria na minha casa.

Continua ...

Sobre este texto

Carly Green

Autor:

Publicação:20 de fevereiro de 2014 15:59

Gênero literário:Depoimento erótico

Tema ou assunto:Pulando a Cerca

Compartilhe este conto erótico com seus amigos
Este texto foi lido 580 vezes desde sua publicação em 20/02/2014. Dados do Google Analytics

Comentários

Novo comentário

Os comentários serão moderados. Não serão aceitos comentários agressivos ao autor e/ou que divulguem sites comerciais. No campo nome só aceitaremos nome de pessoas. Se tiver interesse comercial Fale conosco para saber nossa política de publicidade.

  • Bill
    Postado porBillem24 de fevereiro de 2014 12:31

    Nossa você continua primando nos detalhes, realmente deixa quem lê louco de vontade de estar em suas histórias.
    Dá para imaginar você correndo super gostosa como foi descrito e sendo possuída gulosamente em uma rapidinha.
    Adorei.
    Como gostaria de ser este seu vizinho e quando for até a sua casa na continuação, ganhar uma chupada bem gostosa sua e devorar sua bundinha.
    Demais....

Deixe seu comentário abaixo

*Campos com esta marca são de preenchimento obrigatório.
*

Seu endereço de e-mail não será publicado

Mova o seu mouse para fechar essa ajuda.
*