Conto Erotico | Historia Erótica

Publique seu texto gratuitamente!

Autores mais lidos
Loja História-Erótica
Conto erótico no isntagram
conto erotico no youtube
conto erotico no tumblr
Imagens Eróticas
Do fundo do baú

homem sombra, mulher invisivel e o mago das fantasias.

Tinha um colega de trabalho (HOMEM SOMBRA) que a principio despertava certas curiosidades em mim, mas que até então somente curiosidades.



Até que um belo dia ele me disse que tinha vontade de me beijar, pronto. foi minha deixa. Até aquele momento eu só havia tido um único homem na minha vida (MAGO DAS FANTASIAS), mas que sempre soube me satisfazer muito bem.

Sabia direitinho tudo que eu gostava, o jeito de me tocar de me beijar.



Um belo dia, cheguei ao meu local de trabalho. Estava com um pouco de dor de cabeça. Ele veio ao meu encontro me deu um beijo na testa como sempre.



- Perguntei a ele: SOMBRA você tem algum remédio para dor de cabeça?



- Sim vou pegar.



Ele me deu o remédio e o chamei para me ajudar a medir o tanque.



Ele abria as tampas dos tanques em seguida ficava sempre por trás de mim.



Em seguida ele me disse algo que me excitou muito.



- Melhor seria se você tomasse um banho que eu iria esfregar suas costas.



Terminei de fazer a medição então seguir o conselho dele foi tomar banho em uma agencia de carros que tem ao lado do posto.



- SOMBRA ENCHE O BALDE PARA MIM.



- Com todo prazer!



- MULHER INVISIVEL estou bem aqui não se preocupe que não vou te olhar e nem vou deixar ninguém te olhar ta certo.



Tirei a roupa e comecei a me banhar pensando que ele poderia entra no banheiro a qualquer momento.

Percebir através do reflexo do espelho que ele me olhava.



- SOMBRA o que você esta fazendo ai?



- Eu só queria um beijo seu. Disse ele.



Pronto, havia perdido o medo e criado coragem para enfim após 5 anos provar um outro beijo.



Que delicia, não sei se o melhor foi a sensação de perigo, se aquela coisa nova de beijar outra pessoa ou se juntou de uma só vez. Foi maravilhoso e o início de uma grande história.



- Entra logo SOMBRA temos pouco tempo.



Ele tirou a roupa e quando entrou no banheiro fiquei toda molhadinha. Naquele dia foi um beijo muito demorado, e ainda assim deu para eu me focar em uma coisa. Quando ele me abraçou consegui sentir levemente o pau dele me roçando. Coisa que só fui pensar muito depois em um momento de lembranças.



Achei que ficaríamos só nisso, só em beijos calientes. Só que quando sentir o dedo dele entrando na minha buceta delirei de prazer.



- MULHER INVISIVEL possa fazer com você uma coisa que sempre tive vontade?



- Claro que pode SOMBRA.



Der repente ele se abaixou colocou minha perna em cima do vaso sanitário e começou a me chupar bem gostoso.



Gozei na língua dele.



Minhas mãos caminhavam cada parte do corpo dele se deliciando com a novidade de ser desejada e possuída por um outro homem.



Ele adorava apalpar meu bumbum, dizia que era lindo, redondinho e do jeito que ele gostava.



Vir aquele pau duro e comecei a apalpá-lo. Encostei-o na parede e comecei a chupar aquele pau que antes só imaginava e hoje o sentia por completo.



Ele estava louco de desejo por mim e disse:



- MULHER INVISIVEL faça de conta que você vai medir o nível do tanque.



Fiz o que ele me pediu. no começo não entendir, mas depois...



Ele veio por trás de mim e colocou seu pau na minha buceta bem devagar sentir aquele pau entrando em mim fechei os olhos e comecei a gemer de prazer.



Ficamos ali até gozamos depois tomamos banho juntos e eu fui para o posto, enquanto ele se vestia.



Um dia resolvemos sair dali do posto, para ficarmos mais à vontade, fomos no meu carro para uma rua esquisita, por que eu não queria ir a um motel, pois eu tinha medo, e apesar do fogo que eu estava, achava que não rolaria mais nada além de uns amassos mais livremente.



Não foi só o que aconteceu, nos beijamos, ele tirou meus peitos para fora do vestido e começou a chupá-los, depois tirou minha calcinha e chupou minha buceta aquela língua gostosa no meu grilo, huuumm...



Tirei o pau dele pra fora e comecei a chupar, huuumm.... só de lembrar me dá água na boca, que delicia sentir o gosto de outro pau na minha boca, ouvia ele gemendo e me dava mais vontade ainda de chupar cada vez mais...



Passava a língua na cabecinha, sugava com força olhava o rosto dele delirando de tanto tesão, e eu ficando molhadinha, com vontade de sentar e rebolar bem devagar naquele pau.



Parecia que ele estava lendo meus pensamentos, me sentei, quando encaixei minha buceta naquele pau, fiz questão de sentar bem cuidadosamente, pra sentir cada centímetro me invadindo, depois fazia movimentos mais rápidos, me virei e ele começou me penetrar segurando minha cintura, enfiava com força e eu rebolava gostoso querendo sentir toda a porra dele jorrar na minha buceta.

Sobre este texto

homem sombra

Autor:

Publicação:25 de setembro de 2012 23:22

Gênero literário:Contos eróticos

Tema ou assunto:Encontro a Três

Compartilhe este conto erótico com seus amigos
Este texto foi lido 345 vezes desde sua publicação em 25/09/2012. Dados do Google Analytics

Comentários

Novo comentário

Os comentários serão moderados. Não serão aceitos comentários agressivos ao autor e/ou que divulguem sites comerciais. No campo nome só aceitaremos nome de pessoas. Se tiver interesse comercial Fale conosco para saber nossa política de publicidade.

Não há comentários até o momento. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário abaixo

*Campos com esta marca são de preenchimento obrigatório.
*

Seu endereço de e-mail não será publicado

Mova o seu mouse para fechar essa ajuda.
*