Conto Erotico | Historia Erótica

Publique seu texto gratuitamente!

Autores mais lidos
Loja História-Erótica
Conto erótico no isntagram
conto erotico no youtube
conto erotico no tumblr
Imagens Eróticas
Do fundo do baú

O tarado bi casado do bloco A

O primeiro conto aqui no site, em homenagem a um amigo "HeHe"
Espero que gostem.

Um bate papo. Dois caras.
A conversa foi esquentando entre eles. Hugo, 20 anos moreno magro e safado, começou a papear com um cara casado que morava no mesmo condomínio no Bloco A.
Ricardo branco fortinho peludo e safado.
As 03:40 da madrugada ele manda uma mensagem.
- Desce. Quero te ver.
Hugo com medo respondeu:
- Agora? Minha tia vai acordar e se não me vir aqui vai brigar comigo.
- Desce rápido uma chupada só.
- Você é louco sabia. Hugo retrucou, com um desejo enorme de descer e ficar com ele.
- Vamos Hugo. Vai ser gostoso, prometo.
- Espera, vou descer!
- Estou te esperando aqui embaixo, na frente do salão de festas.
Hugo colocou uma bermuda jeans e uma camisa e já sentiu o pau crescer dentro cueca pensando no Ricardo esperando ele la em baixo.
No elevador ele pensava em que dizer pra tia caso estivesse estivesse acordada quando ele voltasse.
Chegou no térreo. E foi até a sala de festas. La foi surpreendido.
- Nossa você é lindo cara. Hugo disse a Ricardo. Eles nunca se viram apenas por fotos.
- Não sou não. Você que é. Ele disse acenando com a cabeça para a escada que tinha a entrada ao lado do elevador. Entraram ali. O lugar claro paredes brancas com o chão cinza, com alguns detalhes em vermelho, subiram alguns lances de escada ate que Ricardo parou. Nenhuma palavra foi dita apena um beijo. Ele beijava ardente e com uma potencia que Hugo nunca havia experimentado.
- Você e muito gostoso Hugo.
- Sou? Então me chupa.
Ricardo abriu a calça de Hugo sem parar de beijá-lo. Começou a masturba-lo e tirou a sua camisa e a de Hugo lambeu seu pescoço e foi descendo com a boca lambendo todo o seu corpo ate chega ao pau, ele chupava e mexia nas bolas com as mãos.
- Que delicia, engole esse cacete. Hugo dizia gemendo.
Hugo pegou na cintura de Ricardo o colocando-o em pé.
- Minha vez de mamar! Hugo disse enquanto abria a calça de Ricardo.
O seu pau estava babando, ate melado a cueca Hugo passou a língua na cabeça tirando toda a baba. Ele passava o dedo e colocava na boca de Ricardo.
- Mama, hoje vou te dar leitinho.
Hugo começou a mamar Ricardo.
Ele tem uma rola gostosa e grossa ela encaixava direitinho na garganta de Hugo.
- Que delicia Hugo. Engole essa porra toda. Ele falou encaixando a mão na nuca e engasgando Hugo.
Foi quando ele pediu pra comer Hugo.
- Claro, quero sentir esse cacete quente no meu rabo.
- Então vira esse cu pra mim. Ele disse puxando Hugo de costas e passando a cabecinha do pau no cu apenas brincando, seu pau babava tanto que nem precisava de um cuspe ou lubrificante ele foi logo encaixando.
- Devagar caralho, não to acostumado a dar. Falou Hugo colocando a mão. Na perna de Ricardo.
- Deixa eu enfiar e vc acostuma.
- Como se fosse fácil assim. Falou Hugo
Quando estava mai relaxado pediu ate pra Ricardo socar mais forte. E foi ai que trocaram.
Hugo mesmo sendo mais jovem tinha uma manha com o sexo e facilmente convencia com sei jeitinho a torcer a opinião dos outros.
- Agora sua vez de sentir uma rola quente no rabo. Vira pra mim Ricardo.
- Eu disse que não curto dar, tem que ir com calma.
- Claro que terei calma. Você vai adorar.
Hugo começou a massagear o cu de Ricardo com o dedo e passar a baba de seu próprio pau e enfiar os dedos no cu de Ricardo.
Hugo tinha um pênis grosso, quando começou a encaixar Ricardo tentou levantar inutilmente. Hugo havia prendido ele com uma perna e com o braço dele. Ele foi enfiando e acariciando ao mesmo tempo deixando Ricardo louco de tesão.
Ele enfiou tudo e já começou a bombar.
Ricardo gemia como uma garotinha.
- Não costumo dar Hugo que delícia. Mais. Fode com esse cu.
- Safado você, gostou de dar a cu pra mim.
Hugo soltou um gemido dizendo que ia gozar na hora Ricardo sentou e começou a chupar.
- Goza na minha cara, quero seu leite.
Hugo gozou encheu a boca de Ricardo de porra.
- Agora vem, quero chupar sua porra toda. Hugo disse sentando na escada, puxando Ricardo pra mais perto.
- Claro e toda sua. Ricardo respondeu se masturbando e colocando o pau na boca de Hugo e começou a bombar ate deu um gemido e começou a gozar.
- Nossa quanta porra. Disse Hugo com a boca cheia.
- Eu disse que gozava bastante.
- Que delícia. Vou querer mais.
Eles se limparam e se beijaram e saíram da escadaria. E cada um subiu pro seu bloco.

Sobre este texto

Hugo

Autor:

Publicação:26 de abril de 2015 13:51

Gênero literário:Contos eróticos

Tema ou assunto:Gays

Compartilhe este conto erótico com seus amigos
Ainda não há estatísticas de leitura deste texto, pois ele foi publicado em 26/04/2015.

Comentários

Novo comentário

Os comentários serão moderados. Não serão aceitos comentários agressivos ao autor e/ou que divulguem sites comerciais. No campo nome só aceitaremos nome de pessoas. Se tiver interesse comercial Fale conosco para saber nossa política de publicidade.

Não há comentários até o momento. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário abaixo

*Campos com esta marca são de preenchimento obrigatório.
*

Seu endereço de e-mail não será publicado

Mova o seu mouse para fechar essa ajuda.
*