Conto Erotico | Historia Erótica

Publique seu texto gratuitamente!

Autores mais lidos
Loja História-Erótica
Conto erótico no isntagram
conto erotico no youtube
conto erotico no tumblr
Imagens Eróticas
Do fundo do baú

HELENA minha nova vizinha

HELENA minha nova vizinha
Ola Amores to de volta com mais um conto meu. pra quem ainda nao me conhece Eu sou KELLY, Sou Morena, olhos e kbls castanhos, 28 anos, 1.70al, 68kg, seios e Bumbum fartos e 100% Lesbica. Isso aconteceu quando tinha 22 anos, já Fui casada com homem mais me separei ha 5 anos, perdi minha virgindade com meu Ex marido quando eu tinha 17 pra 18 anos e ele 20, meu casamento durou apenas 3 anos e a experiencia não foi la muito legal nunk senti prazer com ele, depois dele não tive mais nenhum homem na minha cama, eu quando nao tenho ninguem adoro me masturbar e gozo solitaria todos os dias, por isso não quiz mais homens na minha vida. Porq eu sempre senti atraida por mulheres e meu casamento foi um erro. Meu pai era era corretor de imóveis e sócio em uma imobiliaria, nós eramos super amigos, todos os dias a noite sentavamos na rede que que tinha na area da minha casa. E numa dessas nossas conversas ele me disse que havia feito um otimo negocio, ele teria vendido a casa que tinha nos fundos da nossa e tinha ganho uma otima grana e me falou o que eu queria de presente que ele ia me dar, ai eu disse o que tinha vontade e ele topou me dar, mais com uma condicao, e eu perguntei qual seria a tal condicao, e ele me falou que a nova proprietaria da casa dos fundos era sozinha e pediu pra ele se nao conhecia alguem que poderia fazer compania a ela pelo menos no inicio porque ela se sentia muito sozinha e nao conhecia ninguem por ali. Entao ele pensou em mim pois eu havia me separado. Ha poucos meses e tambem me sentia sozinha, apezar que eu me distraia a kbca no trabalho, mais era preciso fazer mais amizades ai eu concordei e disse que assim que ela mudasse iria fazer uma visita. Dois dias depois ela se mudou numa manha de sexta feira, eu dei um tempo e xamei minha mãe pra irmos dar boas vindas pra nova vizinha, e assim fomos. Xegando la tocamos a campainha e saiu uma mulher linda de um corpo escultural que nem de longe parecia ter 45 anos. Kblos e olhos negros que pareciam um jaboticaba, Seios grandes e bem firmes, Bumbum e coxas sarados, e ela tava de short e uma blusa regata que destacava tudo de bom que ela tinha. Nos apresentamos e entramos na casa a convite dela, e comecamos conversar ela e minha mae falava como se fossem amigas a muito tempo ai depois de quase 2 horas de papo resolvemos ir embora e na saida e HELENA disse. -Kelly quero te pedir um favor, se vc nao tiver nada pra fazer hoje vc poderia vir aqui mais tarde pra me ajudar com umas coisas e ate me dar ideias como fazer. Eu respondi que assim que almocasse desse uma ajuda na casa pra mimha mae
eu viria, e fomos embora e a imagem daquela Mulher nao saia da minha cabca, xegando em casa comecei meus afazeres domesticos mais sempre pensando na Helena, entao terminei meu servico e fui pro meu quarto, deitei na cama e coxilei um pouco, acodei era umas 17 horas, tomei um banho, me trokei e fui na casa da HELENA. Xegando la ela me atendeu usando um roupao de banho e pediu que eu a Aguardace na sala que ela iria por roupa pois acabara de tomar banho, me sentei no sofa e comecei prestar atencao no filme que tava passando na Tv e percebi que era um Dvd e era um filme de romance Lesbico lindo, ai fiquei muito intrigada com akilo e pensei -Sera que a Dna. Helena era mesmo lesbica, sai dos meus pensamentos quando ouvi ela me dizer -Amo esse filme, acho incrivel o Amor dessas duas garotas, e continuou dizendo sorrindo -Nao pense mal de mim, eu nao sou Lesbica mais tenho afinidades com elas, entao eu falei que tambem tinha muita afinadade e que adorava ver filmes assim, pena que ja tinha pego do final. Entao ela disse -quando vc for pode levar o Dvd pra vc assistir, eu agradeci e continuamos nossa convessa, mais com outros assuntos. Entao ela perguntou sobre minha vida e eu disse que tinha me separado ha 6 meses e que dava uma ajuda pro meu Pai, mais da minha casa mesmo, eu fazia os contratos de compra, venda e aluguel e enviava por E-mail. Ela disse que sentia muito pela minha separacao e comecou falar sobre a vida dela. Me falou que ela e o marido eram Advogados e tinham um escritorio bem conceituado em Sao Paulo e tinham uma vida razoavelmente confortavel, mais que infelizmente numa noite quando xegavam em casa eles foram assaltados e naquela tensao toda ela so ouviu um tiro e quando olhou pro marido ele estava ensanguentado, entao ela ligou para o Samu mais quando xegaram ele ja tinha morrido, Entao com essa tragedia ela resolveu vender o escritorio e alugar o AP que moravam e voltou pra morar com seus Pais pois ela so tm um filho que mora fora do Brasil. Os Pais dela moram numa cidadezinha perto da minha, ela ficou uns 6 meses sem trabalhar so curtindo o luto(se e que isso e curtir rsrs), ha 6 meses ela tinha feito um concurso para Promotora e passou e foi locada aki na minha cidade, ela nesses 6 meses tava vindo de carro pra ca com amigos que a ajudavam no combustivel, mais alguns se mudaram pra ca e outros foram transferidos, ela entao resolveu se mudar pra ca tambem. Ai papo vai e papo vem depois de 4 garrafas de cervejas, olhei no relogio e ja eram quase meia noite e falei que precizava ir entao ela falou -Porque vc nao dorme aki, eu to tao sozinha e gostaria de ter sua companhia nessa minha primeira noite, tudo bem pra vc? Eu pensei por alguns segundos, peguei meu celular e liguei pra minha mãe avizando que eu iria dormir na casa de Helena, minha mãe confiava muito em mim e disse -tudo bem filha dorme com os Anjos. E eu e Helena continuamos a conversar e beber ate que ela disse -Ta calor vc nao ta sentindo? Realmente tava um calor infernal, ai ela foi no quarto e logo voltou vestindo uma camisola de renda quase toda transparente e percebi que ela tava sem sutiem e sem calcinha, vendo aquilo o calor em mim subiu mais ainda, ela sentou no tapete e me xamou pra sentar tambem e disse -senta de frente pra mim pra eu poder te ver melhor e sentei como ela pediu, ela ficou me olhando por alguns minutos e falou -Olha kelly Vou te contar uma coisa que ninguem alem de mim e a pessoa envolvida sabe. E comecou falar que ela tinha uma secretaria super eficiente por sinal e que elas se tornaram muito Amigas, e um dia seu marido tinha viajado, e ela convidou a secretaria pra sairem a noite pra distrair a kbca porq aquela semana teve puxado. E nesse encontro depois de algumas bebidas, a secretaria confidenciou que era lesbica e que era apaixonada por ela mais que sempre guardava consigo aquele sentimento por causa do profissionalismo e por ela ser muito bem casada, e ela ouviu aquilo e pela primeira vez sentiu tezao numa mulher e a convidou pra dormir na sua casa que foi aceito na hora. e Helena me contou tudo o que acontecera naquela noite, aquilo me deixou com um tezao doido, num dado momento ela com o olhar fixo em mim, fez uma carinho no meu rosto, colocou a mao no meu pecoco, me puxou e me deu um beijo demorado na bok. Com aquele beijo eu fui pras nuvens e respondi com outro beijo enquanto ela tirava minha blusa e meu sutien e passava,a lingua nos bicos rigidos dos meus seios e abocanhou de vez e sugava como uma gatinha com fome, eu gemia alto e tirava sua camisola e meu short ate que ficamos totalmente nuas, e comecei acariciar sua bucta e as vezes metia meu dedo dentro dela, ela tambem gemia muito e falava com voz tremula que desde a hora que me viu sentiu um dzejo forte por mim e que me queria toda aquela noite, eu respondi num sussurro que eu seria totalmente dela quando e como quizesse. Ai Ela me deitou naquele tapete macio e comecou xupar minha bucta com muita vontade passava a linga no meu grelho que ja tava duro de tanto tzao, entao grudei no seus cabelos e puxei bem forte como se quizesse que ela entrasse dentro de mim, enquanto eu gemia sentindo o movimento da sua lingua dentro da minha bucta. Alguns minutos mais ela para e subiu em cima de mim ficando d4 com sua buceta na minha bok, e nos xupamos ferozmente ate que explodimos num orgasmo louco. Por alguns segundos ela ficou parada com se tive descando pra podermos recomecar tudo outra vez, entao ela se levantou e disse -Vem meu Amor vamos tomar um banho e depois deitarmos na minha cama, ela me deu sua mao e levantei e fomos pro xuveiro, tomamos um banho de uns 30mints, uma ensaboando a outra depois nos secamos e fomos pra cama, antes dela deitar ela pegou uma caixa no armario que tinha 2 consolos enormes e mais alguns acessorios e disse -Agora a noite vai ser completa e sorriu que eu acompanhei. Ela me deu um vibrador e ficou com outro, so que o meu era Duplo e entendi o que ela queria e assim fodi sua bucta e seu cu bem gosto, ela gemia e me fodia tambem, ficamos assim por longos minutos, ate que ela disse que iria gozar e parou com o vibra e trancou suas pernas na minhas de maneira que nossas bucetas ficaram coladas ai rebolavamos cada vez mais rapido sentindo nosso orgasmo juntas, entao fizemos um 69 e uma limpou a bucta da outra com a bok sentindo o gosto do melzinho kente de nossas buctas, ai paramos E nos deitamos abracadas, demos um beijo apaixonadas e dormimos ate as 10 da manha, acordei sentindo um beijo no meu rosto, – bom dia querida o café esta na mesa vem me fazer companhia, levantei, escovei meus dentes com uma escova nova que ela me deu, fui pra cozinha e tomamos café juntas e FELIZES pela noite maravilhosa que tivemos. Dei um beijo nela e disse que iria pra casa e ela me perguntou se podia me ligar a tarde. Eu disse claro que pode, era ela so me chamar que viria ate ela. Bom pessoal essa foi mais uma historia minha que fez e ainda me faz muito Feliz. Hoje Helena esta casada novamente mais sempre que ela tem uma chance ela me liga pra gente se curtir, e eu Adoro quando isso acontece. BYE BYE Se gostarem e só CURTIR E COMENTAR ok. E me aguardem, breve com novos contos. Beijokas da KELLYFE

Sobre este texto

Kellyfe

Autor:

Publicação:21 de janeiro de 2016 08:50

Gênero literário:Contos eróticos

Tema ou assunto:Lésbicas

Compartilhe este conto erótico com seus amigos
Ainda não há estatísticas de leitura deste texto, pois ele foi publicado em 21/01/2016.

Comentários

Novo comentário

Os comentários serão moderados. Não serão aceitos comentários agressivos ao autor e/ou que divulguem sites comerciais. No campo nome só aceitaremos nome de pessoas. Se tiver interesse comercial Fale conosco para saber nossa política de publicidade.

Não há comentários até o momento. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário abaixo

*Campos com esta marca são de preenchimento obrigatório.
*

Seu endereço de e-mail não será publicado

Mova o seu mouse para fechar essa ajuda.
*