Conto Erotico | Historia Erótica

Publique seu texto gratuitamente!

Autores mais lidos
Loja História-Erótica
Conto erótico no isntagram
conto erotico no youtube
conto erotico no tumblr
Imagens Eróticas
Do fundo do baú

Primeira tranza a três

Primeira tranza a três

Me chamo Kaike tenho 19 anos , branco, cabelos loiro cortado a maquina, malho na academia, pratico judô, faço corrida, jogo futebol e trabalho em uma transportadora tudo isso me ajuda a manter um corpo forte, torneado definido o que chama a atenção tanto de mulheres quanto de homens e como sou um metedor nato não nego fogo.
Estava em uma boate já havia beijado duas e uma loirinha não tirava os olhos de mim quando vi uma morena espetacular dançando sensualmente com um cara, ela mexia, rebolava assim como ele suas mãos percorriam todo o corpo dele e as mãos dele o corpo dela. A dança estava quente e eles pareciam gostar do frison que estavam causando.
O Cara foi ao banheiro e a Garota foi ao bar, não perdi tempo e cheguei.
_ Como seu namorado pode deixar uma mulher como você sozinha assim?
_ Porque, curtiu ele?
_ Você sim. Se eu te pagar esse drink você dança comigo daquele jeito?
_ Você consegue me acompanhar?
_ Posso tentar.
Fomos para o meio da pista o DJ colocou algo mais forte, A garota não se intimidou se esfregava rebolava alisava todo meu corpo que já dava sinais de excitação e eu também não me poupei e como ela não impedia minhas mãos eram bem atrevidas ela ria e remexia todo seu corpo se esfregando no meu. Logo o carinha que ela estava se aproximou pensei que iria rolar um stress, mas nada ele a pegou pela cintura pensei que era melhor partir para outra e comecei a tomar distancia foi quando ela se virou para meu lado e me puxou para um beijo o cara a encoxou por trás e ficamos os três com a garota no meio como um recheio de um sanduíche dançávamos ousados ela me beijava beijava ele, passávamos ambos as mãos no corpo dela o que algumas vezes fez com que o cara passasse a mão também em meus braços o que naquele momento me deixou arrepiado. Ele passou a beijar o pescoço dela e eu o outro as orelhas o rosto um dado momento nossos rostos ficaram bem perto e rolou um beijo triplo a partir daí a coisa foi rápida e logo já estávamos em um motel nos despindo.
Descobri que a garota se chamava Gabi morena 1,68 de altura seios médios durinhos, bicudos, bundinha empinada, 20 anos. O cara fortinho, estilo playboy, moreno claro, boca carnuda beijava super bem, 1,77 de altura se chamava Douglas.
Gabi pediu para ir ao banheiro enquanto isso Douglas e eu ficamos em um amasso forte, nunca tinha ficado com nenhum cara, mas aquilo estava muito bom diferente de tudo o que eu já tinha vivido. Douglas era muito cheiroso, sua pegada forte me fazia arrepiar todo o corpo. Caiu de boca em meus mamilos chupando com intensidade, passando a mão em meu tórax e barriga que logo receberam sua língua. Gabi saiu do banheiro Douglas e eu entramos e tomamos uma chuveirada rápida em meio a alguns beijos ardentes sai, mas Douglas ficou.
A garota já me esperava na cama com as pernas abertas o que me fez não perder tempo e entrar em meio de suas pernas chupando aquela bucetinha lisinha, enfiava a língua fazia movimentos circulatórios e de vai e vem e chupava seu clitóris o que a fazia gemer de prazer logo Douglas sai do banheiro e se junta a nos, vai direto nos seios de Gabi e os chupa na mesma intensidade que havia feito comigo eu sabia o prazer que ela estava sentindo.
Coloco Gabi na beira da cama e começo a meter em sua buceta segurando suas pernas e as apoiando em meus ombros, Douglas se coloca a seu lado e a põe para mamar em seu cacete e me puxa para nos beijar e chupar meus lábios. Que tesão eu estava sentindo nem me importava se iria gozar rápido ou não metia sem do rápido.
Douglas veio para tras de mim e ficou me beijando o pescoço, alisando meu torax e me encoxando disse a ele que me penetrar não, então ele disse:
_ Ok vou fazer outra coisa que voce vai pirar!
Me mandou colocar Gabi mais para o centro da cama e meterpor cima dela empinando um pouco a bunda, relutei um pouco mas fiz logo senti Douglas amassando minha bunda e a beijando novamente repeti a advertência de não ser penetrado ele disse que havia intendido e passou a lamber meu rabo nossa que puta tesão senti meu corpo todo se estremeceu e passei a bombar rebolando estava pirando na lingua de Douglas no meu cu.
Douglas disse que já que eu não ia dar o cu ia comer o de Gabi. Deitou se na cama Gabi sentou engolindo sua vara com o cu e ofereceu sua buceta para eu continuar bombando e voutei a meter aquele roça roça da pica de Douglas por dentro de Gabi juntando as metidas que eu já havia dado me fez logo gozar e Deixar Douglas metendo no cu de Gabi, logo ele a virou de lado e meteu vara. Depois fizeram 69 e Douglas gozou na boca de gabi.
Depois de um intervalo em que bebemos um pouco, conversamos e rimos, voltamos a nos alisar beijar e acariciar.
Coloquei Gabi de quatro e dessa vez eu que fui comer seu cuzinho que já estava aberto pela vara de Douglas que entrou por baixo de Gabi fazendo um 69 com ela. Volta e meia Douglas passava a lingua no que saia do meu pau para fora ou lambia minhas bolas o que me dava muito prazer. Tanto que não rezisti.
_Quer levar rola?
Douglas me respondeu ficando de quatro e dando uns tapas em sua própria bunda crave meu pau d=naquele cuzinho que não era virgem mas estava mais apertado que o de Gabi o que fez Douglas gritar.
_ Não queria rola putão? Então aguenta!
Bombei forte segurando na cintura de Douglas enquanto ele chupava a buceta de Gabi. Douglas pediu para mudar de posição sentei e ele passou a cavalgar em mim enquanto Gabi nos olhava batendo uma ciririca.
Aquele putão sabe cavalgar em uma rola, que bunda durinha gostosa e que cu! Nossa!!!!
_Vou gozar, vou gozar porra!
Douglas deu uma virada rapida na cama e abocanhou toda minha rola me assustei de inicio mas deixei rolar e me explodi em um gozo fenomenal sentindo sua boca mamar toda minha porra. Que gozada boa, logo ele batendo uma punheta gritou:
_ Agora é minha vez!
Gabi veio e abocanhou eu pau enfiando um dedo em seu cu o que fez Douglas urrar de prazer. Tomamos banho juntos trocamos telefones e passamos a ter contato viramos amigos e depois desta muitas outras fodas rolaram e rolam ate hoje.
Fui valeu se curtiram fizeram ou gostariam de fazer algo parecido curte ai e comente!


Autor: Mrpr2

Sobre este texto

mrpr2

Autor:

Publicação:8 de janeiro de 2016 23:10

Gênero literário:Contos eróticos

Tema ou assunto:Gays

Compartilhe este conto erótico com seus amigos
Ainda não há estatísticas de leitura deste texto, pois ele foi publicado em 08/01/2016.

Comentários

Novo comentário

Os comentários serão moderados. Não serão aceitos comentários agressivos ao autor e/ou que divulguem sites comerciais. No campo nome só aceitaremos nome de pessoas. Se tiver interesse comercial Fale conosco para saber nossa política de publicidade.

Não há comentários até o momento. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário abaixo

*Campos com esta marca são de preenchimento obrigatório.
*

Seu endereço de e-mail não será publicado

Mova o seu mouse para fechar essa ajuda.
*