Conto Erotico | Historia Erótica

Publique seu texto gratuitamente!

Autores mais lidos
Loja História-Erótica
Conto erótico no isntagram
conto erotico no youtube
conto erotico no tumblr
Imagens Eróticas
Do fundo do baú

Trio Foda

Trio Foda
Ola eu sou o Fabiano o que vou contar para vocês aconteceu no mês passado entre meu pai, meu tio irmão dele e eu. Meu pai tinha acabado de se separar da minha mãe e estava um pouco para baixo com a separação contatei meu tio por meio de uma rede social, pois minha mãe tinha brigado com ele dizendo que ele incentivava meu pai a praticas de safadezas. Sim minha mãe se dizia muito religiosa e não gostava que meu pai bebesse escutasse musicas “do mundo” segundo ela e me policiava também claro e o culpado era sempre meu tio que era dono de uma casa noturno divorciado cinquentão, cabelos sempre pintados, curtia uma academia, natação, se manter em forma, uma azaração sempre com uma novinha do lado, sim meu tio apesar de seus cinquenta anos, apesar de não aparentar essa idade, estava sempre pegando uma mulher de 20 no maximo 25 anos.
Bom minha mãe nos últimos tempos passou a frequentar muito mais a igreja tanto que um belo dia saiu de casa foi morar com um “irmão” de igreja. Bom meu tio aceitou meu convite e veio aqui para casa.
Depois de muita conversa, cerveja e jantar pizza estávamos os três no quarto do meu pai na cama assistindo a filmes pornô hetero. Meu pai tem 47 anos esta com uma barriguinha, pele branca, cabelos grisalhos e eu acima do peso, fofinho vai, cabelos castanhos claro, pele clara todos nos pelados batendo punheta, as cenas iam passando e os comentários iam aparecendo.
_ Puta safada gostosa hem Fabiano olha a xoxotona dela, parece a da Manu lembra dela aquela loira gostosa que o tio pegou mês passado?
_ Lembro tio.
_ Nossa olha como ela recebe gostoso no cu Ferdinando, a Zulmira era a maior nega fogo, - sexo anal não pode é pecado – tudo ela dizia que era pecado porra.
_ Engolir porra também rsrsrs
_ O que? Sabe a quanto tempo eu não sei o que é uma chupetinha Ferdinando.
_ Não sei como você aguentava isso Fernando eu se não chupar meu pau ou me der o rabo eu dispenso logo o rabo não precisa ser sempre, mas de vez em quando ne só buceta enjoa pó.
_ E só papai mamãe, nada de variação.
_ Puta merda ai não.
Eu só de olho nos cacetes dos dois nem olhava mais o filme meu tio percebeu.
_ Acho que o garoto ta afim de rola
_ Quer saber Fabiano já sei que você é gay vamos parar com o fingimento
_ Que isso pai?!
_ Há para Fabiano sua mãe e eu já sabemos disso desde que você nasceu o que não significa que ela aceite você sabe como ela é queria ate te levar para uma cessão de desencapetamento eu que não deixei disse que não era o caso e que isso só faria expor vocês dois na igreja, mas foi por pouco.
_ Obrigado pai.
_ Bom tudo esclarecido resolvido já que não tem nenhuma mulher aqui bem que você podia nos dar uma mãozinha ne Fabiano.
_ Que isso Ferdinando é meu filho pó.
_ O garoto gosta qual o problema vai chupar dos cara da rua mesmo eu to na necessidade aqui a vai a merda Fernando, chupa ai sobrinho de boa.
Mesmo com um pouco de vergonha do meu pai eu estava no maior tesão e acabei agarrando a jeba do meu tio e colocando toda na boca mamava e ele gemia de tesão a cariciando minha bundinha. Eu estava sobre sobre meus joelhos dobrados na cama chupando meu tio o que deixava meu rabão bem a mostra para meu pai que para minha surpresa começou a alisa la também.
_ Nossa filho, mas com esse rabão assim na minha cara é foda ne, sabe quanto tempo não como um rabão bonito assim?
_ Relaxa Fernando será um segredo nosso ne não Fabiano.
_ Segredo total.
Meu pai então caiu de boca no meu rabo passando a língua de cima a baixo no meu rego e enfiando no meu orifício nossa que tesão eu rebolada e sugava ainda com mais força meu tio.
_ Esse meu sobrinho ta me saindo uma verdadeira putinha.
_ Meu pai me dava tapinha na bunda, deu uma pinceladas no meu rego e perguntou:
_ Não mente pro pai filho alguém já meteu no seu botãozinho?
_ Não pai nunca tenho medo.
_ Então relaxe que seu paizão aqui já descabaçou muito cu sei fazer bem gostoso.
Meu pai pegou um tubo que parecia uma pomada na gaveta, era gel passou no meu buraquinho me dedando aquele geladinho e seus dedos entrando e saindo do meu cu me deixaram arrepiado, posicionou a cabeça e começou a fazer pressão e me mandou piscar o cu. Fiz como meu pai mandou e aos poucos senti seu cacete me invadir ate entrar tudo realmente não senti dor, senti uma pressão, no começo um pouco de desconforto, mas quando ele começou a bombar puta que pariu que tesão, meu tio também começou a meter em minha boca estava sendo fodido por meu pai e tio no cu e na boca, meu pai me colocou meio de lado e metia forte em meu cu não sei se pelo tempo que queria meter em um cu gozou logo meu tio veio tomar seu lugar meu pai foi lavar o pinto depois voltou com ele meia bomba me pedindo para chupar. Meu tio me colocou deitado de barriga para cima e metia de pe enquanto eu chupava meu pai que estava ajoelhado com minha cabeça entre suas pernas.
Meu tio metia estocadas firmes com tudo escutava seu saco Bater na minha bunda, logo o pau do meu pai endureceu novamente. Meu tio me pos de quatro meu pai veio para minha frente para que eu continuasse chupando ele enquanto meu tio segurava minha cintura e metia depois de um tempo gozou dentro de mim também foi no banheiro e saiu muita porra do meu cu, tomei um banho e voltei enquanto meu tio tomava banho meu pai me bateu uma punheta dormi no meio dos dois e pela manha pela primeira vez tomei porra dos dois de café da manha e depois de um café reforçado tomei muito na bunda rsrsrs.

Autor: Mrpr2

Sobre este texto

mrpr2

Autor:

Publicação:1 de julho de 2015 18:05

Gênero literário:Contos eróticos

Tema ou assunto:Gays

Compartilhe este conto erótico com seus amigos
Ainda não há estatísticas de leitura deste texto, pois ele foi publicado em 01/07/2015.

Comentários

Novo comentário

Os comentários serão moderados. Não serão aceitos comentários agressivos ao autor e/ou que divulguem sites comerciais. No campo nome só aceitaremos nome de pessoas. Se tiver interesse comercial Fale conosco para saber nossa política de publicidade.

Não há comentários até o momento. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário abaixo

*Campos com esta marca são de preenchimento obrigatório.
*

Seu endereço de e-mail não será publicado

Mova o seu mouse para fechar essa ajuda.
*