Conto Erotico | Historia Erótica

Publique seu texto gratuitamente!

Autores mais lidos
Loja História-Erótica
Conto erótico no isntagram
conto erotico no youtube
conto erotico no tumblr
Imagens Eróticas
Do fundo do baú

A visita de minha mulher ao presídio

A visita de minha mulher ao presídio



Certo domingo, a minha esposa me disse que iria fazer uma visita ao sobrinho dela no presídio… se arrumou toda e pegou o carro na garagem e se mandou.
Chegou sorrindo muito e não entendi o motivo de tantas risadas... Foi quando ela resolveu me contar como foi a sua visita ao presídio.
Cheguei e fui logo sendo vistoriada por duas agentes que pareciam com um homem... Elas tiraram a minha roupa por inteira, me arreganharam e colocaram sua mão na minha vagina e no meu cuzinho... Depois uma delas ainda me disse, você é uma delícia... Fiz que não escutasse e entrei para visitar o meu sobrinho.
Ao chegar até a ala que ele se encontrava, ele correu logo para mim e me disse chorando... Tia, me salva porque estou ameaçado de morte por dois marginais da pesada... Então lhe perguntei: o que você fez para eles? Estou com ma dívida de drogas de 400 reais, mas a senhora sabe que não tenho como pagar e eles me disseram que irão me matar.
Fiquei desesperada e perguntei se havia uma forma de pagamento diferente? Ele me disse que eles queriam comer o seu cú... Eu discordei imediatamente e lhe disse que na próxima visita eu iria lhe arranjar os 400 reais e ele estaria livre das ameaças... Foi aí que ele me disse que tinha que ser naquele dia e se não fosse pago eles me matariam com certeza porque já tinham feito isso com um companheiro de cela.
Entrei em desespero e me pus como moeda de troca e salvamento do meu sobrinho... Ele deu um sorriso de alívio e me levou a cela dos camaradas... Ao chegar ele me apresentou como a tia dele que iria pagar sua dívida... Eram dois caras grandes e fortes, mas até que eram simpáticos e atraentes... Eles me levaram para dentro de uma cela toda envolvida com lençóis e começaram tirando minha roupa... Fizeram-me chupar eles tanto que a minha boca começou a ficar dormente, depois me viraram de fizeram sentar na rola de um deles na posição de cavalinho... Enquanto o outro foi logo introduzindo seu enorme pau em meu cuzinho... Ficamos por aproximadamente duas horas até que resolveram gozar em minha boca e me fazer engolir toda gala sem derramar uma só gota.
Em seguida, mandaram chamar meu sobrinho e disseram a ele que sua dívida foi mais que paga porque eu era muito gostosa... Chamaram-me no canto da cela e me disseram que adorariam que eu fosse visita-los sempre que sentisse saudades daquele dia... Eu agradeci por livrar meu sobrinho e disse a eles que foi um grande prazer fazer negócio com eles e que fazia questão de continuar sendo cliente da dupla.



Sobre este texto

pspninfo

Autor:

Publicação:30 de dezembro de 2015 17:32

Gênero literário:Contos eróticos

Tema ou assunto:Pulando a Cerca

Compartilhe este conto erótico com seus amigos
Ainda não há estatísticas de leitura deste texto, pois ele foi publicado em 30/12/2015.

Comentários

Novo comentário

Os comentários serão moderados. Não serão aceitos comentários agressivos ao autor e/ou que divulguem sites comerciais. No campo nome só aceitaremos nome de pessoas. Se tiver interesse comercial Fale conosco para saber nossa política de publicidade.

  • wanderleig
    Postado porwanderleigem12 de novembro de 2016 23:38

    adorei gotaria dee te contar uma estória também vc que ouvir entre em contado [email protected]

Deixe seu comentário abaixo

*Campos com esta marca são de preenchimento obrigatório.
*

Seu endereço de e-mail não será publicado

Mova o seu mouse para fechar essa ajuda.
*